Bestas – Como Deus repudia e condena nações nazistas fascista !

deus condena nacoes nazistas

Vivemos uma momento tão significativo na moral coletiva que envolve as nações para o eclodir de um novo tempo, com suas crises humanitárias que deveriam ter um interesse maior por parte das denominações ditas cristãs, que justamente fazem o contrário, por suas ignorâncias métódicas, bíblicas e históricas e ignoram o quanto Deus abomina e condena nações nazistas fascistas e seus ideais.

Entendendo o Nazismo moral

religiao nazista fascista alemanha
Religiao nazista fascista da alemanha em 1928

O termo nazista é claro, ser um contexto moderno surgido com o movimento de Adolf Hilter, más seus contexto ideológicos já existiam em outros movimentos antigos definidos por outras nações e sistemas morais redigidos até por teocracias como é o caso do judaísmo nacionalista.

O reino do Dragão e Besta

Israel antiga e bíblica um dia considerada como “menina dos olhos de Deus” por seus pecados, foi condenada no ano 587 ac, tento sua nação e templo importante destruido á mando de Deus, usando o império da babilônia para isso, dando início ao exílio na babilônia e no futuro (135dc), com a chegada do messias verdadeiro e sem se modificarem (coletividade) é finalmente toda destruida a mando da divindade outra vez, que usa o imperio romano para isso.

Más qual o pecado maior desta nação ?

Os Fascisnazismo de Israel

Em verdade vos digo que, no dia do juízo, haverá menos rigor para o país de Sodoma e Gomorra do que para aquela cidade.” (Mateus 10:15)

– Referindo aquele tempo onde Jesus peregrinava nas regiões das cidades de Israel e o povo preparado desde os tempos dos antigos profetas em lógica estaria mais apto a entenderem suas mensagens de paz, amor e revolução aos contexto distorcidos da seitas farizaicas e outras.

Más aos que não, Jesus não tenta impor suas idéias a força, nem discursão ou intolerância de alguma forma, pede apenas para que saiam da cidade e sacudam a poeira de seus pés. Deixando seus destinos por conta de suas escolhas morais e ideológicas.

pecados sodoma gomorra
Os pecados Sodoma e Gomorra

Os pecados de Sodoma e Gomorra

“Eis que esta foi a iniqüidade de Sodoma, tua irmã: Soberba, fartura de pão, e abundância de ociosidade teve ela e suas filhas; mas nunca fortaleceu a mão do pobre e do necessitado.” (Ezequiel 16:49)

– Como vemos, diferente das interpreatções dos extremistas e cristãos conservadores que em grande parte não possuem consciências para discernir situações e história, os pecados de Sodoma e Gomorra não tinha nada haver com a homosexualidade. É claro que numa sociedade degenarada encontramos assassinatos, prostituições, corrupções, crimes desenfreado e outros em excessos, más não algum destes pecados isolado como causa primária e pior do contexto coletivo, segundo a divindade, e sim a falta de amor coletivo ao próximo.

roma eua estados facistas bestas apocalipticas
Roma e Estados Unidos da américa definidos pelo livro de apocalipse como 1º e 2º Besta onde impera o nazifascismo tambem.

O maior pecado contra Deus

Nos profetas de Samaria bem vi loucura; profetizavam da parte de Baal, e faziam errar o meu povo Israel.
Mas nos profetas de Jerusalém vejo uma coisa horrenda: cometem adultérios, e andam com falsidade, e fortalecem as mãos dos malfeitores, para que não se convertam da sua maldade; eles têm-se tornado para mim como Sodoma, e os seus moradores como Gomorra.
” (
Jeremias 23:13,14)

– Reparem que a revelação do Senhor a Jeremias vê os erros dos incredulos como inferiores já que pousam numa justificatíva, que é a ignorância das leis divínas, diante dos ditos distos instrutores espirituais Israelitas, que possuiam o conhecimento da verdade, más faziam o contrario, os colocavam em igualdade com os moradores de Sodoma e Gomorra. Simplesmente pelo contexto “quem conhece a verdade e não pratica é pior que o ignorante”.

Assim também é uma caracteristica das nações nazistas, se apresentarem como cristãs, defendendo seus ponto de vistas conservadores ultrapassados pelo domínio.

O Estado nazifacista e o castigo divino !

destruicao jerusalem legioes romana adriano 135dc
Destruição final de Jerusalem pelas legioes romana e o cerco general Adriano 135dc

E já nos tempos de Jesus a coletividade que não conseguia entender suas mensagens de libertações espirituais se apegaram aos contextos nacionalistas e talmudicos que lhes prometiam uma soberania sobre todas as outras, como povo previlegiado da criação e todos os outros, destinados a serem subrepuljados por eles. lidereadas pelo seu futuro Messias (anticristo)

Vejam: Simon Bar Kokhba – O verdadeiro “Anticristo” e encarnação de Belial nos últimos dias !

Com destinos até a escravisações e assassinatos, caso se rebelassem contra esse sistema. Um contexto nada a ver com os principios de “igualdade” que Jesus pregava.

nazismo fascismo de israel
nazismo fascismo de israel

Sim, os mesmo ideais do sionismo moderno, o mesmo sistema filosófico do passado que perseguiu a mulher (igreja) no momento do nascimento do messias (Jesus) ao qual é idolatrado pela maioria dos cristãos evangélicos como povo de Deus hoje.

Ou melhor; o Dragão do Apocalipse verdadeiro e não a China como induz a escatologia cristã sionista, conduzidas pela bestas (capitalismo, imperialismo, sionismo e etc) que querem funda uma Nova Ordem Mundial com seus conceitos ultrapassados (retrocessos-conservadorismo) !

“E, quando o dragão viu que fora lançado na terra, perseguiu a mulher que dera à luz o filho homem.” (Apocalipse 12:13)

Vejam: O reino do Dragão redivivo pelas falsas igrejas da nova ordem mundial

– Se analizarem bem; ideais nazifascista que conhecemos hoje, racistas e supremacistas de um país e uma raça, tão difundida pelo nazismo e com um rótulo religioso

Tendo a consequencia da destruição desta nação no ano 135dc pela vontade divina que usou o império romano para isso. Deixando em observação que no futuro, dentro da era cristã, outras bestas surgiriam com os mesmo principios.

O futuro repetindo o passado !

nazismo igual sionismo
nazismo igual sionismo

O que acontece hoje em nosso tempo, como naquele período de transição entre as eras judaica e cristã, são as religiões maiorais com rótulos cristãs, apoiando sistemas nazistas, fascistas de dominio como é o exemplo da extrema-direita pelo sionismo.

São as comunidades (igrejas) que se corromperam chamadas de prostitutas pelo apocalipse, usam o nome de Deus para tentarem impor ao mundo suas visões religiosas distorcidas que nada tem haver com o contexto “liberdade” e “amor ao próximo”.

É claro que só Deus julga e condena, más se não temos moral ainda para isso, deveriam pelo mínimo lutarem, com uma eduação anti-nazifascista e realmente ant-sistema no mundo, seja nas instituições e sistemas diversos para a emancipação de um mundo mais justo.

Más isso está ocorrendo, graças a Deus, não pelos crentes da religião oficial, como no passado com a religião de Israel, más pelos hereges oficiais revolucionarios, como foi com Cristo e seus seguidores, não escravos de mandos e demandos dos magos negros do sistema religioso reinante, como nós, nos movimentos políticos, pacifistas, ativistas de esquerda e outros intelectuais que não precisam de regras de nenhum livro para entendermos o que é certo, errado, bem ou mal . Fato !

Autor: Valter J.Amorim (A Espada de Miguel)

 


Postagens Relacionadas:

Os Protocolos dos Sábios de Sião e a Agenda Reptiliana na terra

Cristãos Evangélicos Sionistas e o seus ideais anticristãos

Bolsonaro e sua igreja ao Brasil – Filhos da perdição (666)

Negacionismo pandemico covid 19 – A doutrina da Morte !

Francisco – O Papa negro odiado pela nova ordem mundial

Sionismo – O dragão do apocalipse e a invasão reptiliana